Maceió além das Praias

Hotel, restaurantes, bares, baladas, lanchonetes, sorveterias. Veja as melhores opções para aproveitar nossa capital de Norte a Sul!

“Mergulhar no azul piscina, no mar de Pajuçara. Deixar o sol bater no meu rosto, ai que gosto me dá. E as jangadas partindo para o mar, para pescar, minha sereia. Maceió minha sereia.” Abri esse texto com a letra dessa canção, que se chama “Maceió minha sereia”, de Carlos Moura, porque é impossível pensar em Maceió sem pensar no seu mar de água azul piscina que tantas vezes deixa boquiabertos turistas e moradores. Sim, moradores! Ou vocês acham que quem mora em Maceió se cansa de tamanha beleza?

Maceió além das Praia

A capital alagoana atrai pessoas do mundo inteiro por causa de suas belas praias, e conhecer a orla da cidade e as piscinas naturais das redondezas é praticamente um passeio obrigatório! Isso é inquestionável e todo mundo ama fazer. Mas quero dizer aqui que não só de praia vive a cidade, certo? Maceió tem muita coisa para se desfrutar e vou passar boas opções, a começar pelo hotel.

Quem é turista sabe como é importante ficar bem localizado, sendo assim, a primeira dica é o Flix Hotel. Com o slogan “Perto de tudo, somos bem diferentes”, o empreendimento fica no melhor bairro da cidade, em Jatiúca, a apenas 250 metros da praia. Além do mar, a orla repleta de barracas e quiosques se soma à oferta de restaurantes, bares, lojas e sorveterias nas proximidades do Flix. E é aqui onde quero chegar. Essa região tem de tudo e, por isso, agrada a todos os gostos e bolsos.

Maceió além das Praias
Flix Hotel

Maceió além das Praias

Se a ideia é fazer uma imersão na cultura nordestina, a começar pela gastronomia, a dica é a Bodega do Sertão. Esse restaurante típico chama a atenção com sua fachada em forma de bule gigante, que serve também como ponto turístico para fotos. Do cardápio, vale experimentar a buchada de bode. Quer mais nordestino do que isso? Se quiser, vale arriscar um forrozinho no Maikai, uma balada e choparia famosa em Maceió, e toda segunda-feira tem a Noite do Turista.

Comandada por uma banda de forró local, a pista ferve quando os bailarinos da casa animam e tiram os visitantes para dançar. Ninguém fica parado, de verdade! Mas saiba que o local tem programação musical todas as noites, então vale escolher o que mais agrada para aproveitar cada momento. Seguindo a ideia de conhecer o regional, a sorveteria Bali oferece sorvetes de sapoti e de jaca, frutas comuns da região Nordeste. Porém, quem não gosta de arriscar, ali também tem os sabores tradicionais.

Ainda para refrescar do calorzinho gostoso que faz em Maceió, o Ponto do Açaí oferece um cardápio diferenciado, no qual destaco o açaí batido com fruta e o açaí com açúcar mascavo, por exemplo. De fato, surpreende quem pensa que açaí é tudo igual!

Para aqueles que curtem um lugar bem descontraído para tomar um chopp gelado e cair no samba com os amigos, o Alagoana Bar e Botequim é uma ótima ideia. Para beliscar, tem muitas opções de tira-gosto e frutos do mar. É um botequim com uma pegada mais “refinada” se é que você me entende. Mas como sei que num grupo de viagem sempre tem os amantes de fast food, para quem não abre mão de um bom hamburguer, eu indico o The Black Beef, hamburgueria nascida em Maceió, que hoje está presente em praticamente todo o Brasil. Serve opção vegana para quem não come carne.

E uma boa pizza ninguém dispensa, certo? Então minha sugestão é o Armazém Guimarães, uma pizzaria de forno à lenha, que se consolidou como referência na região. Charmosa, seu ambiente rústico atrai muitos turistas ao local. E para fechar o roteiro do que fazer nos arredores do Flix Hotel, o sofisticado Maria Antonieta, considerado o melhor restaurante italiano da capital, oferece pratos que misturam os sentidos e promovem uma verdadeira viagem de sabores. No menu, as tradicionais polentas, raviólis, risotos são de comer rezando. Se você gosta de massa, não pode deixar de ir.

Espero que goste das dicas e que aproveite cada segundo para você nunca mais se esquecer de “Maceió minha sereia.”

Adicionar comentário